Conexão Direta
com a Notícia
Bataguassu, 21 de Maio de 2019
 
14/03/2019 - 17h02
Estudantes de Bataguassu terão acesso à educação empreendedora
Bianca Lima
Assecom
Divulgação

Empreendedorismo é uma atitude que dever ser desenvolvida e praticada. Nesse sentido, o Sebrae/MS busca levar para a sala de aula a vivência de conteúdos de empreendedorismo, para que os jovens se preparem para o mundo do trabalho. Em Bataguassu, os professores receberam nos dias 7 e 8 de março, o treinamento do Jovens Empreendedores Primeiros Passos (JEPP).

O material didático contém toda a metodologia e o passo a passo do projeto, que deve ser aplicado ao longo do ano. Esse trabalho faz parte do Programa Cidade Empreendedora, desenvolvido pelo Sebrae/MS em conjunto com a prefeitura municipal, com o objetivo de promover o desenvolvimento local com foco em eixos estratégicos da economia.

Trata-se de uma proposta de trabalho inovadora que vai tirar alunos e professores da zona de conforto. É o que afirma a coordenadora de Educação da Prefeitura de Bataguassu, Maria Aparecida da Costa Mateini. "O aprendizado fará grande diferença na vida de todos. Ao vivenciarmos as atividades na prática podemos ver que é possível realizar um trabalho eficaz, produtivo que trará bons resultados", avaliou.

A diretora Clarice Maria da Costa Lozano, da Escola Municipal do Campo "Professora Maria da Conceição" localizada no Assentamento Santa Clara destacou que por fazerem parte de famílias que trabalham com a terra e estarem inseridos no Programa de Agricultura Familiar, os jovens começam desde muito cedo a empreender, mas não fazem isso de forma sistemática. "Com a aprendizagem adquirida, temos que desenvolver com eficácia a Educação Empreendedora, sensibilizando e despertando este espírito empreendedor que está adormecido, levando-os a perceber, que acima de tudo, empreender significa realizar, colocar em prática as ideias novas com criatividade, definindo metas, planejando e persistindo sempre para chegar a um resultado final", declarou.

A professora Juliana Cardoso Alves ressaltou é preciso pensar na formação dos jovens, uma vez que ao sair da escola eles passam a ser cidadãos em busca de uma vaga no mercado de trabalho. "Para isso acontecer, é necessária a inserção da educação empreendedora nas escolas. Empreender é um aprendizado para a vida. Se a essência do empreendedorismo for trabalhada desde a infância em sala de aula, certamente os erros que são cometidos hoje em um empreendimento diminuirão", falou.

A instrutora do curso do Sebrae/MS, Luciane Aparecida Gomes Lima, acredita que o aprendizado no ensino básico e fundamental faz muita diferença na formação do cidadão. "Os dias de treinamentos foram intensos e os professores realmente entenderam o quanto aprender sobre empreendedorismo pode fazer a diferença na vida dos alunos, que eles podem empreender junto com os pais na área rural", afirmou.

Cidade Empreendedora

O programa Cidade Empreendedora foi desenvolvido pelo Sebrae para atuar junto a prefeituras municipais em oito pontos chave que visam acelerar a economia de cada município que adere à iniciativa: Mapeamento de oportunidades; Desburocratização; Sala do Empreendedor; Compras locais; Liderança; Cultura empreendedora e inovação; Plano de Desenvolvimento Econômico; e Desenvolvimento empresarial.

Os interessados em conhecer mais sobre a metodologia do programa e detalhes sobre os trabalhos realizados em Mato Grosso do Sul devem entrar em contato com a Central de Relacionamento do Sebrae no telefone 0800 570 0800 ou pelo site www.sebraecidadeempreendedora.com.br

publicidade
 
 
publicidade
 
 
 
 
 
DaHoraBataguassu.com.br
Bataguassu - MS
Telefone: (67) 8135-1068 ou 9637-9190
E-mail: [email protected]
© 2012 - 2014 - Todos os Direitos Reservados
As notícias veiculadas nos blogs, colunas e artigos são de inteira responsabilidade dos autores.
Desenvolvido por: Ribero Design
(67) 9979-5354